Home Blog Page 2

Exposição relembra participação do Brasil na Segunda Guerra Mundial

0

A Embaixada do Brasil na Itália inaugurou, na segunda-feira (22), na Galeria Cândido Portinari do Palazzo Pamphilj, a Mostra “Liberatori – Il Brasile nella Campagna D’Italia (Libertadores – O Brasil na Campanha da Itália – 1944/1945)”. A exposição, gratuita e aberta ao público até o dia 19 de março, visa homenagear a Força Aérea Brasileira (FAB) e a Força Expedicionária Brasileira (FEB), divulgar uma importante página de história e, ainda, relembrar o espírito de fraternidade entre brasileiros e italianos.

A mostra foi montada seguindo um percurso cronológico, desde a declaração de guerra do Brasil aos países do eixo, passando pelo embarque das tropas para a Itália, as ações nas campanhas aérea e terrestre, o cotidiano dos militares nas bases e nos acampamentos, as memoráveis conquistas e o retorno ao Brasil. Tudo ilustrado por fotos, documentos raros e objetos usados no período, que retratam os feitos de pilotos, soldados e enfermeiras que colocaram em risco a própria vida pela liberdade e democracia dos povos. São dezenas de relíquias expostas em seis vitrines. O acervo de objetos integra a coleção privada do especialista em arqueologia militar e historiador italiano Giovanni Sulla.

O Adido de Defesa e Aeronáutico do Brasil na Itália, Coronel Aviador André Luiz Alves Ferreira, ressaltou que a exposição foi concebida pela Embaixada do Brasil na Itália para ser realizada em 2020, sendo um dentre os diversos eventos que estavam planejados para as comemorações dos 75 anos do final da Segunda Guerra Mundial, mas foi postergado em função da pandemia. “O acervo é belíssimo e retrata fielmente o sacrifício de brasileiros e brasileiras que lutaram pelos ideais de liberdade, paz e democracia nos céus e terras italianas. Remete-nos ao cenário do final da Grande Guerra, ao rigoroso inverno de 1944 e à força dos inimigos nazifascistas, sobretudo de sua artilharia antiaérea, maior desafio de nossos bravos pilotos do Primeiro Grupo de Aviação de Caça e da Primeira Esquadrilha de Ligação e Observação. Recordar todas as conquistas e vitórias nos enche de muito orgulho”, destacou o Oficial.

Para o Embaixador do Brasil em Roma e idealizador do evento, Hélio Vitor Ramos Filho, a exposição ilustra um dos capítulos mais importantes das relações entre os dois países. “O Brasil foi o único País latino-americano a ter enviado militares para os campos de batalha europeus durante a Segunda Guerra Mundial. O legado dos jovens brasileiros, homens e mulheres, que participaram da Campanha da Itália se traduziu, também, em competência, coragem e, principalmente, na humanidade”, finaliza o Embaixador. As informações são da FAB.

Confira todas as novidades das empresas da BIDS

Fique informado sobre as ações das nossas Forças Armadas e de segurança

 

O post Exposição relembra participação do Brasil na Segunda Guerra Mundial apareceu primeiro em PortalBIDS.

Tropa paraquedista retorna ao Brasil após exercício nos EUA

0

No dia 22 de fevereiro, foi realizada no Campo do 26º Batalhão de Infantaria Pará-quedista (Btl Inf Pqdt) uma formatura para marcar a recepção e a desmobilização dos militares participantes do Exercício Culminating. Iniciada no dia 3 de janeiro no Centro de Prontidão e Treinamento Conjunto em Fort Polk, nos Estados Unidos da América, a ação foi parte de um intercâmbio entre os dois países e finaliza o Plano Conjunto de atividades realizadas ao longo de cinco anos.

A Subunidade (SU) Culminating chegou ao Brasil na manhã da segunda-feira, 22, ao desembarcar na Base Aérea do Galeão. No local, a tropa foi recebida pelo Comandante da Brigada de Infantaria Pára-quedista (Bda Inf Pqdt), General de Brigada Helder de Freitas Braga, pelo Chefe do Centro de Coordenação de Operações Logísticas, General de Brigada Himario Brandão Trinas, e demais autoridades. Na ocasião da formatura, o General Helder dirigiu-se à tropa parabenizando-a pelo êxito obtido.

“Meu sentimento é de orgulho de tudo aquilo que os senhores fizeram. Cumpriram exatamente aquilo que desejávamos e sonhávamos. Os méritos são dos senhores. Não podemos deixar de lembrar que esse esforço só foi possível graças a uma estrutura de todo o Exército Brasileiro. E tenham humildade! Usem essa experiência para transmitir aos outros o que aprenderam”, disse o General.

Culminating

O Exercício Culminating teve a participação de uma subunidade paraquedista enquadrada em um Batalhão de uma Brigada da 82ª Airbone Division do Exército dos EUA. A Força-Tarefa (FT), aprestada para emprego em operações aeroterrestres, utilizou-se de equipamentos e armamentos individuais e coletivos de última geração: canhões sem recuo 84 mm; morteiros 60 e 81 mm; metralhadoras leves; equipamentos de visão noturna; miras laser; lunetas ópticas; GPS; meios de comunicações diversos; e paraquedas MC-1. A FT nível subunidade foi composta por 172 paraquedistas.

No Brasil, o exercício foi dividido em cinco fases. Na primeira e na segunda fases, a SU, originada da Brigada de Infantaria Pára-quedista, participou do assalto aeroterrestre e cumpriu as missões de conquista e manutenção de cabeça de ponte aérea. Na terceira e quarta fases, foram praticadas a infiltração aeromóvel e a ocupação e estabilização da área urbana de São José do Barreiro, interior de São Paulo. Na quinta fase, realizou-se o Live Fire.

Nos Estados Unidos, as atividades tiveram início com a readaptação dos paraquedistas às técnicas aeroterrestres americanas, finalizadas com o salto, no dia 20 de janeiro, da aeronave militar americana C-130 e paraquedas T-11. Seguindo a preparação, os motoristas da subunidade tiveram instruções teóricas e práticas com as viaturas americanas HUMVEE e LMTV, a fim de as utilizarem durante o exercício.

Continuando as atividades previstas, após a chegada do 1-505 PIR, Batalhão Americano da 3ª Brigade Combate Team/82ª Airbone Division, iniciaram-se as atividades de recebimento de ordens, planejamentos, emissão das ordens, ensaios e inspeções pré-combate. As informações são do Exército Brasileiro.

Confira todas as novidades das empresas da BIDS

Fique informado sobre as ações das nossas Forças Armadas e de segurança

 

O post Tropa paraquedista retorna ao Brasil após exercício nos EUA apareceu primeiro em PortalBIDS.

Planejamento trimestral da Operação Ágata é tema de reunião

0

blank


Brasília (DF), 25/02/2020 –
O planejamento trimestral da Operação Ágata foi tema de reunião ocorrida no Ministério da Defesa, na terça-feira (23) e nesta quinta-feira (25). Na ocasião, integrantes da Subchefia de Operações do Estado Maior Conjunto das Forças Armadas (CEMCFA), vinculada à Pasta, apresentaram balanço das ações realizadas em 2020. A Ágata é uma força-tarefa para combater delitos transfronteiriços e ambientais na faixa de fronteira da Amazônia. A iniciativa reúne militares das Forças Armadas em coordenação com representantes dos órgãos federais e estaduais.

A reunião foi presidida pelo Subchefe de Operações, General José Eduardo Leal, e contou com representantes do Comando de Operações Navais (ComOpNav), do Comando de Operações Terrestres (COTER), do Comando de Operações Navais Aeroespaciais (COMAE), dos Comandos Militares da faixa de fronteira e dos comandos de distritos navais das faixas de fronteira terrestre e marítima. Participaram também representantes das agências envolvidas.

Alexandre manfrim-4.jpg

Ações recentes

No contexto da Operação Ágata, militares da Marinha, por intermédio da Capitania dos Portos do Amapá (CPAP), apreenderam embarcações irregulares nas proximidades do Canal das Pedrinhas, em Macapá. Cerca de 46 m³ de madeira eram transportadas sem documentação legal. A ação foi terça-feira (23), com apoio de agentes do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) do Amapá.

Os responsáveis pelas embarcações foram notificados e as embarcações apreendidas por descumprir as normas de segurança de navegação. A carga foi encaminhada aos órgãos competentes para adoção das medidas cabíveis.

IMG-20210225-WA0071.jpg

Centro de Comunicação Social da Defesa
Fotos: Alexandre Manfrim e Marinha do Brasil

Centro de Comunicação Social da Defesa (CCOMSOD)
Ministério da Defesa
(61) 3312-4071

 

Mac Jee recebe visita do Príncipe de Abu Dhabi na IDEX 2021

0

O Grupo Mac Jee, composto por empresas 100% brasileiras da indústria de defesa e aeroespacial, encerrou nesta quinta-feira (25) sua participação na International Defence Exhibition And Conference (IDEX), em Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos) com uma avaliação positiva.

O estande da empresa foi visitado pelo Príncipe Herdeiro de Abu Dhabi e Comandante Supremo Adjunto das Forças Armadas dos Emirados Árabes Unidos, Mohamed Bin Zayed Al Nahyan, além de vários grupos e delegações.

Também prestigiaram a Mac Jee o diretor de projetos da Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança (ABIMDE), Paulo Albuquerque e o e o representante do Escritório da Câmara de Comércio Árabe-Brasileira (CCAB), em Abu Dhabi, Rafael Solimeo.

O presidente do Conselho de Administração da Mac Jee, Simon Jeannot, afirmou que a IDEX é o primeiro grande evento presencial realizado durante a pandemia do coronavírus e trouxe um respiro para todos da indústria do setor. “Aqui apresentamos pela primeira vez a Mac Jee como um grupo. Conversamos com diversas autoridades e tivemos a grande honra de receber o príncipe Mohamed Bin Zayed Al Nahyan, mostrando todo o potencial da indústria de defesa do Brasil”.

O gerente Comercial, Maurício Antoniazzi afirmou que na IDEX foi possível estreitar contato com as delegações e clientes em potencial. “Também tivemos a oportunidade de fortalecer ainda mais a parceria com a ABIMDE e as demais empresas da BIDS (Base Industrial de Defesa e Segurança) e autoridades brasileiras”.

A Mac Jee Defesa apresentou as BGBs (MK),a BPB 2000 (BLU 109),  além do material energético HMX, que em breve terá sua primeira linha de produção na América Latina, na unidade de Paraibuna (SP).

O desenvolvimento ou aprimoramento (retrofit) das linhas de produção de TNT, RDX e Propelentes single-base, double-base e triple-base foram o foco das soluções demonstradas pela Mac Jee Tecnologia.

Já a Equipaer expôs seus lançadores de foguetes 70 mm e alvos aéreos, utilizados hoje pela Força Aérea Brasileira (FAB).

Confira todas as novidades das empresas da BIDS

Fique informado sobre as ações das nossas Forças Armadas e de segurança

 

O post Mac Jee recebe visita do Príncipe de Abu Dhabi na IDEX 2021 apareceu primeiro em PortalBIDS.

Empresas brasileiras ampliam relações com parceiros internacionais na IDEX

0

As empresas brasileiras que participaram do Pavilhão Brasil na International Defence Exhibition And Conference (IDEX) encerraram sua participação ampliando sua visibilidade no mercado internacional. O evento, que acontece em Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos) teve início no último domingo (21) se encerrou nesta quinta-feira (25) e foi a primeira feira do setor de defesa desde o início da pandemia do Coronavírus, representando uma grande janela de oportunidades para a Base Industrial de Defesa e Segurança (BIDS) durante a pandemia.

Um exemplo das conexões realizadas na Idex foi a assinatura de um memorando de entendimentos entre a Avionics e a GAL, empresa do Grupo Edge, a maior empresa de Defesa dos Emirados Árabes Unidos, que pode resultar em parcerias e negócios com outras empresas e países na região.

Outro contrato da Avionics firmado na Idex foi com a Calidus, para o fornecimento de peças para a fabricação de novos aviões pela empresa emirática. “A Idex foi muito importante para a gente. Primeiro, pela retomada do comércio em si; em segundo, pela a possibilidade de retomar os contatos com os parceiros que já temos. E, por último, pela oportunidade de apresentar a Avionics para novos clientes”, explica o presidente da companhia, João Vernini.

O “Pavilhão Brasil” na IDEX foi promovido pela ABIMDE e Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), com o apoio dos ministérios da Defesa e das Relações Exteriores, além da Câmara de Comércio Árabe-Brasileira (CCAB).

Participaram da exposição as associadas Atech, Avibras, Avionics, CBC, Condor, Embraer, Gespi, Kryptus, MacJee, M&K Logistics, Siatt e Taurus.

Da IDEX para MILIPOL

A ABIMDE participou ativamente da IDEX nos cinco dias de evento, apoiando as indústrias da BIDS na realização de negócios com parceiros do mundo todo. “Tivemos um grande êxito em Abu Dhabi. O evento foi um sucesso, com boa movimentação, e as empresas brasileiras atraíram o interesse de governos e empresas internacionais”, comemorou o diretor de projetos e relações institucionais, Paulo Albuquerque.

Com o encerramento da IDEX, a ABIMDE já esquenta os motores para participar de outro grande evento de defesa, a Milipol Qatar, que acontece entre os dias 15 e 17 de março, em Doha. “Já contamos com 10 empresas confirmadas para o evento e a expectativa é de impulsionarmos as associadas, como fizemos aqui em Abu Dhabi”, analisa Albuquerque.

Saiba mais sobre o evento em: https://idexuae.ae/

 

Confira todas as novidades das empresas da BIDS

Fique informado sobre as ações das nossas Forças Armadas e de segurança

.

O post Empresas brasileiras ampliam relações com parceiros internacionais na IDEX apareceu primeiro em PortalBIDS.

Hospital Naval Marcílio Dias inaugura Centro de Processamento Celular

0

No dia 10 de fevereiro, foi inaugurado o Centro de Processamento Celular (CPC) do Hospital Naval Marcílio Dias (HNMD), no Rio de Janeiro (RJ). O CPC presta apoio à Unidade de Transplante de Medula Óssea e tem por finalidade o processamento, preservação e disponibilização de células-tronco hematopoiéticas para terapia com transplante de medula óssea.

Esta terapia de alta complexidade exigiu importante investimento em qualificação técnica dos profissionais e infraestrutura, o que resultará em melhoria expressiva na qualidade do atendimento a pacientes com doenças hematológicas. A autonomia do HNMD em realizar transplante de médula óssea autólogo, no seu próprio Sistema de Saúde, é um marco para a Marinha, pioneira nas Forças Armadas nesta terapêutica.

A inauguração contou com a presença do Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior; do Diretor-Geral do Pessoal da Marinha, Almirante de Esquadra Renato Rodrigues de Aguiar Freire; do Diretor de Saúde da Marinha, Vice-Almirante (Md) Luiz Claudio Barbedo Fróes; do Secretário Estadual de Saúde do Rio de Janeiro, Doutor Carlos Alberto Chaves de Carvalho; do Diretor do Hospital Naval Marcílio Dias, Contra-Almirante (Md) Humberto Giovanni Canfora Mies; e do Vice-Diretor do Hospital Naval Marcílio Dias, Contra-Almirante (Md) Oscar Artur de Oliveira Passos.

CTMSP

O Centro Tecnológico da Marinha (CTMSP) e a Universidade de São Paulo (USP) unem esforços na fabricação de ventiladores de suporte respiratório emergencial (respiradores) para pacientes de Covid-19. Denominados Inspire, 40 unidades desses foram entregues em Manaus, no Amazonas, e 5 unidades em Ribeirão Preto, em São Paulo, no mês de janeiro. A fabricação do equipamento é realizada desde julho de 2020.

O Inspire foi projetado e desenvolvido por pesquisadores da Escola Politécnica da USP (Poli-USP). O Centro Tecnológico da Marinha em São Paulo (CTMSP), sob coordenação do Centro de Coordenação de Estudos da Marinha em São Paulo, é responsável pelo apoio técnico, produção e montagem dos equipamentos. Equipe do Corpo de Engenheiros da Marinha e de militares especializados estão exclusivamente dedicados ao Projeto dos respiradores, além de profissionais da Poli-USP.

As atividades da equipe técnica da Marinha consistem na montagem do equipamento Inspire, testes de funcionamento, testes finais em um simulador de pulmão mecânico, geração de práticas operacionais e implantação do sistema de gestão da qualidade. Todas seguindo as práticas de montagem e em conformidade às normas vigentes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

Além do apoio técnico e das montagens dos equipamentos Inspire, a Marinha também faz o apoio logístico do transporte terrestre dos aparelhos do Centro Tecnológico da Marinha, em São Paulo, até o aeroporto de Guarulhos. Em Manaus, a Força Naval, por meio do Centro de Intendência da Marinha em Manaus, é responsável por coletar, armazenar e, posteriormente, distribuir os equipamentos às unidades de saúde. As informações são da Marinha do Brasil e do Ministério da Defesa.

 

Confira todas as novidades das empresas da BIDS

Fique informado sobre as ações das nossas Forças Armadas e de segurança

 

 

O post Hospital Naval Marcílio Dias inaugura Centro de Processamento Celular apareceu primeiro em PortalBIDS.

Cerimônia na Itália celebra 76 anos da vitória brasileira em Monte Castelo

0

No dia 21 de fevereiro, no município italiano de Gaggio Montano, foram realizadas diversas cerimônias em homenagem aos “pracinhas” da Força Expedicionária Brasileira (FEB), que conquistaram o até então inexpugnável baluarte defensivo nazifascista de Monte Castello. Atendendo todas as medidas de segurança estabelecidas pela emergência sanitária vigente no país, italianos e brasileiros reverenciaram a participação da FEB na Campanha da Itália durante a Segunda Guerra Mundial.

A primeira parte da cerimônia, desenvolvida no Monumento Votivo Militar Brasileiro de Monte Castello, localizado no distrito de Guanella, no sopé da elevação, contou com a presença do Adido do Exército junto à Embaixada do Brasil na Itália, Coronel André Luiz dos Santos Franco; da Prefeita de Gaggio Montano, Maria Elisabetta Tanari; e de autoridades civis e militares. Naquela oportunidade, houve o hasteamento dos pavilhões do Brasil e da Itália, foram entoados os hinos dos países irmãos e também depositadas coroas de flores no monumento de Monte Castello, recordando os 76 anos da conquista.

O Adido do Exército também realizou a imposição da Medalha Tributo à FEB no estandarte do município de Gaggio Montano. Instituída pelo Comandante do Exército em 13 de fevereiro de 2020, a medalha destina-se a distinguir civis e militares, nacionais ou estrangeiros, bem como organizações militares (OM) e instituições civis, nacionais ou estrangeiras, que tenham praticado ação destacada ou serviço relevante em prol da preservação e difusão da memória histórica da FEB na Segunda Guerra Mundial.

A segunda atividade ocorreu junto ao monumento em homenagem aos 17 heróis de Abetaia. No local onde os militares brasileiros tombaram durante o quarto ataque a Monte Castello, o AdiEx e a prefeita de Gaggio Montano depositaram flores em memória aos “pracinhas” que sacrificaram a própria vida em defesa da liberdade e da democracia no mundo.

Nas suas palavras, o AdiEx destacou que as operações na região de Monte Castello foram desencadeadas na fase final da Segunda Guerra Mundial entre as tropas aliadas e as forças nazifascistas, que tentavam conter o seu avanço no norte da Itália. A efetiva ação da FEB na conquista marcou definitivamente a história dos “pracinhas” no conflito.

Monte Castello

A batalha durou três meses, de 24 de novembro de 1944 a 21 de fevereiro de 1945, durante os quais se efetuaram cinco ataques, com grande número de baixas devido a vários fatores, entre os quais as temperaturas extremamente baixas. Os quatro primeiros ataques, em 1944, não tiveram êxito, o que aconteceu apenas na quinta tentativa. As informações são do Exército Brasileiro.

Confira todas as novidades das empresas da BIDS

Fique informado sobre as ações das nossas Forças Armadas e de segurança

 

O post Cerimônia na Itália celebra 76 anos da vitória brasileira em Monte Castelo apareceu primeiro em PortalBIDS.

Príncipe dos Emirados Árabes Unidos visita IDEX

0

O Príncipe Herdeiro de Abu Dhabi e Vice-Comandante Supremo das Forças Armadas dos Emirados Árabes Unidos, Sua Alteza Xeque Mohamed bin Zayed Al Nahyan, passou pelo Pavilhão Brasil na International Defence Exhibition And Conference (IDEX), que acontece em Abu Dhabi. No local estão dispostos os estantes da ABIMDE e de várias empresas da BIDS (Base Industrial de Defesa e Segurança).

“As empresas brasileiras tiveram hoje uma grande oportunidade de mostrar o seu potencial e abrir novos negócios não apenas com os Emirados Árabes, mas também com outros países da região”, pondera o diretor de projetos e relações institucionais da ABIMDE, Paulo Albuquerque. Ele destacou também a importância de ações realizadas pela entidade para aproximar a BIDS deste mercado, como o Brazilian Defende Day – UAE, realizado em novembro de 2020.

Pavilhão Brasil

A IDEX é uma das maiores feiras do segmento de Defesa em todo o mundo e uma grande janela de oportunidades para a BIDS. O evento, que se encerra nesta quinta-feira (25), tem recebido um grande público e a movimentação no Pavilhão Brasil tem sido excelente.

O diretor comercial da Avibras, Paulo G. Franklin de Abreu, destacou a importância de estar na IDEX. “Para nós, as feiras internacionais são excelentes plataformas para consolidar vendas no exterior, além de marcar presença institucional e solidificar inserção no mercado global”.

A boa movimentação nos corredores do Pavilhão Brasil, e a consequente geração de negócios, também foi citada pelo gerente comercial da Mac Jee, Maurício Antoniazzi, destacou a importância de estar na IDEX. “No evento podemos estreitar contato com as delegações e clientes em potencial. Além de mantermos a parceria com a ABIMDE e as demais empresas da BIDS e autoridades brasileiras”.

O “Pavilhão Brasil” na IDEX é promovido pela ABIMDE e Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), com o apoio dos ministérios da Defesa e das Relações Exteriores, além da Câmara de Comércio Árabe-Brasileira (CCAB).

Além da Avibras e Mac Jee, também participam da exposição as associadas Atech, Avionics, CBC, Condor, Embraer, Gespi, Kryptus, M&K Logistics, Siatt e Taurus.

Saiba mais sobre o evento em: https://idexuae.ae/

 

Confira todas as novidades das empresas da BIDS

Fique informado sobre as ações das nossas Forças Armadas e de segurança

.

O post Príncipe dos Emirados Árabes Unidos visita IDEX apareceu primeiro em PortalBIDS.

Forças Armadas coordenam ações diárias no combate à Covid-19

0
blank

blank


Brasília (DF), 24/02/2021 –
De transporte de pacientes e oxigênio à desinfecção de locais públicos, as Forças Armadas prosseguiram as ações de combate à pandemia, na terça-feira (23) e nesta quarta-feira (24).

Nesta quarta-feira (24), um tanque com 90 mil metros cúbicos de oxigênio foi enviado de Belém para o município Santarém, no Pará, para abastecer hospitais da região. Sob escolta do Navio-Patrulha “Pampeiro”, da Marinha, a balsa com o equipamento percorrerá 833 km e tem chegada prevista para 28 de fevereiro. A operação é supervisionada pelo Comando do 4º Distrito Naval, situado na capital paraense.

20210224-UsinaSt.Antonio.jpeg

No dia anterior, o município de Santo Antônio do Içá, no Amazonas, recebeu uma usina capaz de produzir 20 m³ de oxigênio por hora. O equipamento foi transportado de Tabatinga, também no Amazonas, pela balsa Ferry Boat Fênix, e chegou ao destino com o apoio do Comando do 9º Distrito Naval da Marinha, da Capitania Fluvial de Tabatinga (CFT) e da Sociedade Amigos da Marinha do Alto Solimões.

Em outra frente, o Exército iniciou, na terça-feira (23), ações de descontaminação de locais públicos do município de Araraquara, em São Paulo. A desinfecção prosseguirá até 28 de fevereiro em unidades de pronto-atendimento, hospitais e locais de grande circulação de pessoas. A operação ocorre por intermédio do 13º Regimento de Cavalaria Mecanizado, integrante do Comando Conjunto Sudeste, sediado na região paulista.

20210224-Descontaminação.png

Também para minimizar impactos no sistema de saúde, sete pacientes da Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon) foram transferidas para o Instituto Nacional de Câncer (INCA), no Rio de Janeiro, na terça-feira (23). Ao todo, 23 pessoas em tratamento contra o câncer foram encaminhadas para o estado carioca em aeronaves da Força Aérea Brasileira.

Até o momento, como resultado do empenho militar, foram transportados 5.523 cilindros de oxigênio e 806 tanques, além de 40 usinas de produção do insumo. Os locais públicos descontaminados somam mais de 8,3 mil em todo o território nacional e as operações para remoção de pessoas com Covid-19 e câncer beneficiaram 725 pacientes transportados entre estados brasileiros.

Operação Covid-19
O Ministério da Defesa ativou, em 20 de março, o Centro de Operações Conjuntas para atuar na coordenação e no planejamento do emprego das Forças Armadas no combate ao novo coronavírus. Por meio da Diretriz Ministerial de Execução nº 07/2020, foram ativados dez Comandos Conjuntos, que cobrem todo o território nacional, além do Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), de funcionamento permanente. A iniciativa integra o esforço do governo federal no enfrentamento à pandemia.

As demandas recebidas pelo Ministério da Defesa, de apoio a órgãos estaduais, municipais e outros, são analisadas e direcionadas aos Comandos Conjuntos para avaliarem a possibilidade de atendimento. De acordo com a complexidade da solicitação, tais demandas podem ser encaminhadas ao Gabinete de Crise, que determina a melhor forma de atendimento.

Por Viviane Oliveira
Fotos: Divulgação

Saiba mais:
Forças Armadas viabilizam vacinação de aproximadamente 240 mil indígenas
Operação Covid-19 completa 11 meses de combate ao novo coronavírus
Militares transportam três usinas de oxigênio por rios do Amazonas para atender população do interior do estado

Confira os destaques da semana:


Centro de Comunicação Social da Defesa (CCOMSOD)

Ministério da Defesa
(61) 3312-4071

 

Ministro da Defesa acompanha Presidente Bolsonaro em sobrevoo a regiões alagadas no Acre

0
blank

blank


Brasília (DF), 24/02/2021
– Nesta quarta-feira (24), o Ministro da Defesa, Fernando Azevedo, acompanhou o Presidente da República, Jair Bolsonaro, em sobrevoo às regiões atingidas por inundações de rios no estado do Acre. O governo local decretou estado de calamidade pública em 10 municípios do estado devido às enchentes.

Ministro.jpg

Após o sobrevoo, durante entrevista à imprensa, o Ministro da Defesa destacou que “as Forças Armadas se fazem presente na ajuda ao Acre não só nas enchentes, mas também na Operação Covid-19, no combate ao coronavírus, na Operação Verde Brasil, na preservação ao meio ambiente, na vacinação indígena”.

O Ministério da Defesa, por meio de três organizações militares, apoia as vítimas das enchentes no Acre. O 4º e o 61º Batalhões de Infantaria de Selva e o 7º Batalhão de Engenharia de Construção estão comprometidos nessa missão.

Centro de Comunicação Social da Defesa
Foto: TV Brasil

Centro de Comunicação Social da Defesa (CCOMSOD)
Ministério da Defesa
(61) 3312-4071